Wondershare Filmora
O Melhor Editor de Vídeo para Windows e Mac
  • Uma interface intuitiva e tudo em português.
  • Suportar 50+ formatos e 480+ efeitos de vídeo .
  • Exportar para PC, ios, android, DVD, Facebook e YouTube.
  • Para qualquer tipo de edição de vídeos, rápido e fácil de usar.
  • 12+ Ferramentas avançadas como Tela Verde, Gravação de Tela e muito mais.
[匹配渠道块数据有误mac-os-sierra-new.html]

Safari 10 Desativa o Flash Por Padrão no Mac OS Sierra

O Safari 10 é a versão mais recente do navegador característico do Macintosh e será automaticamente ativado assim que o Mac OS Sierra for lançado. A nova versão do sistema operativo terá tecnologia topo de gama e potencialmente já não irá contar com alguns plug-ins mais comuns que estão disponíveis nas versões anteriores do sistema operativo. O Safari 10 irá desativar o QuickTime, Silverlight, Java e Adobe flash para gerar uma experiência web totalmente inovadora, com base principalmente em conteúdo HTML 5. Foi implementada a tecnologia HTML 5 por ser muito mais rápida e um formato mais condensado. Cada vez mais web designers estão optando por utilizar este formato pois pode ser reproduzido numa enorme variedade de dispositivos, na maioria das situações em qualidade HD de alto nível. Desta forma e independentemente do que você estiver reproduzindo no navegador do seu Macintosh OS, é garantido que será exibido na melhor qualidade e maior velocidade possível.

Os desenvolvedores do Macintosh acreditam que ao eliminar alguns destes plug-ins mais antigos, conseguirão melhorar a experiência de navegação web em geral e aumentar a velocidade da mesma com a implementação do novo OS e do novo navegador.

A forma como o navegador interpreta o conteúdo funciona sempre que uma página tentar exibir conteúdo em HTML 5 e Flash, o Safari seleciona automaticamente a versão de HTML 5, desativando por sua vez a função do Adobe Flash. Se os usuários quiserem visualizar páginas com o Flash ou Silverlight, podem ativar automaticamente os respetivos plug-ins com um único clique. No geral, este processo reduz a quantidade de tempo que estes plug-ins demoram a abrir, melhorando toda a experiência web do usuário. Não será de todo um incoveniente para os usuários, pois ainda terão acesso a estes plug-ins sempre que for necessário. Ao longo do tempo, o uso destes plug-ins está ficando cada vez mais obsoleto graças aos novos padrões do desenvolvimento web moderno.

Outra das alterações que será implementada no Safari 10 é um comando para recarregar a página. Este comando permite aos usuários controlarem o conteúdo exibido, além de poderem adicionar as suas preferências ao escolherem os plug-ins que pretendem ativar durante a sua navegação web. Desta forma os usuários ganham todo um nível extra de controle para controlarem os seus plug-ins, memória disponível e experiência de navegação web em geral. Os usuários poderão selecionar plug-ins, preferências de segurança e muito mais, de forma a editarem subtilmente e comodamente a sua própria experiência de navegação no Safari. Este tipo de personalização não é de todo uma novidade para os usuários do Chrome, mas é sem dúvida uma lufada de ar fresco para todos os usuários que preferem usar o navegador padrão do Mac.

Como é natural, a Apple recomenda usar vários recursos integrados no Safari. Ter a possibilidade de excluir plug-ins como o Jabber e o Flash não só permite melhorar a sua experiência com o navegador, como também ajuda a resolver algumas falhas de segurança que aconteciam frequentemente nas versões anteriores do Mac. O Safari 10 está finalmente criando uma plataforma para os desenvolvedores web deixarem para trás a tecnologia web mais antiga, oferecendo os usuários todo um nível de controle extra.

O Flash irá desaparecer eventualmente?

Corre o rumor de que esta atualização mais recente com o Safari integrado será muito provavelmente o golpe final na existência do Adobe flash. O Adobe Flash está tornando-se rapidamente num formato moribundo graças ao HTML 5. O novo formato de mídia de HTML 5 não só é muito mais rápido, como apresenta um desempenho muito superior em dispositivos móveis. Com imensos usuários a optarem pelos dispositivos móveis como o seu principal acesso à web, não faz sentido que os desenvolvedores web continuem a criar conteúdo sem o desempenho adequado e adaptado a todos os navegadores de celulares.

Um dos principais assistentes do desenvolvimento geral de celular é o Google. Esta empresa disponibiliza uma plataforma enorme para desenvolvimento, hospedagem, marketing e aprendizagem sobre como desenvolver websites. O Google está adoptando e integrando uma política massiva de HTML 5 no seu navegador, exibindo listagens de conteúdo HTML 5 no seu motor de pesquisa. Como resultado das páginas web responsivas estarem recebendo suporte de tráfego nos motores de pesquisa, e de todas as ferramentas disponíveis no Google para os web designers usarem HTML 5, o conteúdo em flash irá eventualmente desaparecer no Chrome, um dos navegadores web mais usados em todo o mundo para Mac/Windows e celulares.

Se você está preocupado(a) com o desaparecimento das ferramentas em flash por padrão no Safari, você pode experimentar a versão beta do navegador no Mac OS Sierra Beta. No geral, esta evolução não deverá afetar em nada a sua experiência de navegação web, muito pelo contrário. Representa mais um avanço na tecnologia de desenvolvimento web e ajuda a melhorar a experiência de usuário na navegação web usando o Safari no Mac.

Comentários

Tem questões relacionadas com os nossos produtos? Veja as respostas a perguntas comuns >>

Outros Produtos Recomendados
Wondershare FilmoraPro

Faça conteúdos PROFISSIONAIS usando softwares de edição de vídeo profissional sem complicações.

Baixar Grátis Baixar Grátis
Filmstock

Sua loja obrigatória para materiais sem direitos de autor, como efeitos de vídeo, gravações e um mundo de muitas outras mídias!


Ver Mais